English version
Uma entidade do
 Buscar
Página Inicial Links Rede CNI Newsletter RSS Fale Conosco
Página inicial  > CNI em Ação > Economia > Mercado de capitais
Economia
 < voltar
Mercado de capitais
Tamanho do texto: A-   A   A+

Amadurecimento pode forçar queda nos juros

A evolução do mercado de capitais no Brasil pode colaborar para acirrar a competição bancária e forçar a queda no spread cobrado pelas instituições financeiras e, conseqüentemente, reduzir as taxas cobradas das empresas.

A CNI apóia o Plano Diretor do Mercado de Capitais, elaborado no âmbito do Movimento Ação Cívica pelo Desenvolvimento do Mercado de Capitais, liderado pela Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). Para a entidade, ainda existe um potencial muito grande para a colocação de papéis de empresas industriais no Brasil.

Entre as propostas da indústria para estimular a expansão do mercado de capitais e ampliar o acesso das empresas a formas alternativas de financiamento não-bancário, incluem-se:

•    Reduzir a carga tributária, em geral, sobre as operações no mercado de capitais, com isenção da CPMF, em particular;
•    Instituir alíquotas reduzidas do Imposto de Renda Retido na Fonte para aplicações por prazos mais longos no mercado de renda variável;
•    Estimular a adoção voluntária de melhores práticas de governança corporativa, deixando à lei a garantia de um conjunto básico de direitos;
•    Reduzir os custos de publicação dos demonstrativos financeiros e outras informações obrigatórias das empresas abertas, permitindo sua divulgação na Internet;
•    Criar mecanismos para indução e crescimento do mercado secundário de papéis de renda fixa em geral; e
•    Ampliar os programas de pulverização de ações de empresas estatais mediante o uso parcial dos recursos do FGTS.

Documentos para download
Propostas para a redução do custo de financiamento
Crescimento. A visão da indústria
A indústria e o Brasil: uma agenda para o crescimento

04/12/2008 | Plano Diretor do Mercado de Capitais - 2008

O Comitê Executivo do Plano Diretor do Mercado de Capitais, do qual a CNI faz parte, lançou no dia 2 de dezembro as novas diretrizes e metas para os próximos anos. No documento, o comitê propõe medidas práticas para a retomada do mercado como instrumento fundamental para que o país volte a crescer de maneira sustentada, considerando seu papel de alavancador de recursos.

A publicação, que pode ser lida na íntegra no link abaixo, pretende mostrar que o mercado de capitais é importante não só para analistas e corretores, mas para toda a sociedade, incluindo as empresas, que precisam desses recursos para financiar seus investimentos. A primeira versão do documento, lançada em 2002, foi uma experiência bem-sucedida e materializou um consenso sobre a necessidade de se criarem condições para o mercado de capitais cumprir com eficiência sua missão de mobilizar recursos de poupança, oferecendo condições de financiamento necessárias para a sustentação do crescimento econômico.

Fazem parte do Comitê Executivo do Plano Diretor outras 18 entidades: Abrapp, Abrasca, Abvcap, ACSP, Adeval, AMEC, ANBID, Andima, Apimec, BM&Fbovespa, CETIP, IBGC, IBMEC, IBRI, Febraban, Fecomércio , Fenaprevi e Fenaseg.

Documentos Relacionados
 Plano Diretor do Mercado de Capitais 2008
Ações Anteriores
04/12/08 - Plano Diretor do Mercado de Capitais - 2008
Serviços do Sistema Indústria > · Banco de Talentos · Editais e Licitações
 
Escritório São Paulo
CNI - Confederação Nacional da Indústria
Rua Olimpíadas, 242, 10º andar, na Vila Olímpia
São Paulo - SP - Tel. (11) 3040-3860
Sede
CNI - Confederação Nacional da Indústria
SBN - Quadra 01 - Bloco C - Ed. Roberto Simonsen
Brasília - DF - CEP:70040-903
Tel. (61) 3317-9000
Fax. (61) 3317-9994
Contador de páginas